QUANTAS HORAS POR DIA EU PRECISO ESTUDAR PARA O ENEM?

Entenda como o planejamento do seu tempo pode fazer toda a diferença na conquista da sua vaga.


Foto por freestocks.org emUnsplash

Qualquer projeto que nos dispomos a executar em nossas vidas requer planejamento. Para casar, fazer uma viagem, comprar um bem ou abrir um negócio, é fundamental levantar previamente as necessidades, os custos, os riscos e, em especial, o cronograma para o cumprimento de cada etapa estabelecida.

Para os estudos, essa lógica não é diferente. Quando pensamos no ENEM, dada a grande amplitude do conteúdo cobrado e o alto grau de concorrência, cresce ainda mais a importância do planejamento, que se torna absolutamente decisivo para a disputa das vagas mais desejadas. Mas como exatamente você deve planejar? Bom, o ponto de partida sempre será o tempo, e é sobre ele que vamos falar neste artigo.

Em primeiro lugar, você precisa definir quando começará efetivamente a seguir um cronograma de estudos. No caso do ENEM, todos sabemos que o conteúdo é grande, então o ideal é começar o quanto antes. Tenha em mente que até o dia da prova você terá que assistir a diversas aulas, revisar constantemente e fazer muitos, muitos exercícios. Além disso, é imprescindível treinar bastante a redação, então comece o quanto antes, de preferência hoje, agora!

Outra variável importante é a carga horária disponível para estudar. As pessoas têm situações de vida bastante diferentes, então, para alguns, é possível dedicar um bom número de horas diárias. Para outros, o tempo é mais curto. Portanto, conhecer sua disponibilidade e aproveitá-la corretamente é fundamental na sua caminhada. Mesmo você que tem um tempo bacana para estudar pode acabar se enrolando, caso passe o dia olhando a timeline do Instagram ou vendo as postagens da sua tia no grupo da família.

De qualquer forma, é importante saber que nem sempre a gente pode começar a estudar com muita antecedência, né?! Ou, pode ser que você tenha um tempo bom até a prova, mas pouca disponibilidade diária. Ou, ainda, pode até ser que você esteja na turma dos desesperados, aquela que já está às vésperas do Exame e ainda tem um monte de coisa para estudar. E agora, o que fazer?

Primeiramente, saiba que nem tudo está perdido. Se você não estudou o que precisava antes, a palavra de ordem agora é PRIORIZAR! No ENEM essa missão fica um pouco mais fácil, porque a prova tem um histórico bem definido de cobrança. Por exemplo, você sabia que estudando apenas 30% dos tópicos, é possível acertar 84% da prova? Incrível, né?! É que tem alguns assuntos, como Interpretação, Estatística e Ecologia, que dominam o Exame. Logo, sabendo o que estudar, você ainda tem boas chances de conseguir sua vaga.

Portanto, podemos concluir que o tempo necessário para estudar para o ENEM depende de três variáveis: a data de início dos estudos, a carga horária diária ou semanal disponível e o mapeamento das prioridades. Conhecendo bem esses dados e aproveitando-os corretamente, suas chances de aprovação vão se multiplicar!

Pensando nisso e para facilitar essa árdua missão, o SANTTO Planejamento criou um simulador gratuito que compila justamente esses dados e te apresenta de maneira bem fácil e intuitiva. Para conhecê-lo, clique aqui.

Simulador do SANTTO

E para conhecer a plataforma do SANTTO, onde você poderá montar um Plano de Estudos 100% personalizado, com os melhores professores da web e aproveitando ao máximo sua disponibilidade de tempo, qualquer que ela seja, clique aqui.

Então é isso, pessoal! Até o próximo post.

Operamos Milagres. Sério.

SANTTO Planejamento